Sábado, 21 de outubro de 2017
Bradesco

Bradesco deixa adoecidos no limbo


23/05/2017
Bancários na Frente, edição 34

Uma triste realidade vem assolando os bancários do Bradesco: os funcionários afastados por motivos de saúde considerados aptos para o retorno ao trabalho pelo INSS, mas inaptos pelo médico do trabalho do banco, estão ficando sem salários.

Pela cláusula 65 da Convenção Coletiva de Trabalho ?CCT?, está garantido o pagamento de um salário emergencial para que o trabalhador não fique sem nenhuma remuneração enquanto estiver nesse ?limbo jurídico?. 

Para o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região, o problema começou quando o governo Temer acabou com o pedido de reconsideração para quem fosse considerado apto para voltar ao trabalho pelo INSS, mas não pelo médico da empresa. Ou seja, o Bradesco se aproveita da situação para economizar uns trocados às custas do trabalhador adoecido.

O departamento jurídico do Sindicato está à disposição dos bancários que passam por essa situação.
 

Sindicato dos Bancários e Financiários de Bauru e Região
Rua Marcondes Salgado, 4-44, Centro - CEP 17010-040 - Bauru/SP
Fone (14) 3102-7270 Fax (14) 3102-7272 - contato@seebbauru.com.br