, 17 de dezembro de 2017
Santander

Sindicato denuncia Santander por demitir 3 bancários em 10 dias


27/11/2017
Bancários na Luta, edição 13

Na última quinta-feira, dia 23, o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região fez um protesto em frente à Superintendência Regional do Santander para denunciar as três demissões promovidas pelo banco em dez dias, duas delas em Bauru e uma em Avaré. Para contar o ocorrido à população, os diretores da entidade utilizaram o caminhão de som e distribuíram panfletos.





Entre os demitidos estão um bancário que tinha mais de vinte anos de banco e que já havia sido reintegrado pelo Sindicato por causa do seu histórico de doenças ocupacionais e, ainda, uma bancária com mais de dez anos de banco que tinha acabado de retornar de sua licença-saúde. Irresponsabilidade social é isso!

Black friday

Como o Santander está utilizando a Black Friday para oferecer seus produtos com desconto, o Sindicato fez questão de avisar a população que os funcionários do Santander também estão em liquidação, afinal, nos últimos 12 meses foram quase 1.400 pais e mães de família que tiveram seus postos de trabalho fechados, sem contar as outras tantas vítimas do chamado turnover (rotatividade de pessoal).


Não há por que demitir

Somente nos primeiros nove meses do ano, o Santander teve lucro líquido de R$ 5,5 bilhões, registrando um crescimento de quase 38% na comparação com o mesmo período de 2016. Entretanto, apesar do lucro crescente, o banco segue demitindo.

Sindicato exige o fim das demissões no Santander e já está ajuizando ações pedindo a reintegração dos demitidos com histórico de doenças ocupacionais.


Sindicato dos Bancários e Financiários de Bauru e Região
Rua Marcondes Salgado, 4-44, Centro - CEP 17010-040 - Bauru/SP
Fone (14) 3102-7270 Fax (14) 3102-7272 - contato@seebbauru.com.br