Sábado, 21 de outubro de 2017
Santander

Assembleia reafirma compromisso do Sindicato de devolver o imposto sindical


Bancários na Frente 032
04/05/2017



Para não restar dúvida de que o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região/CSP-Conlutas vai devolver a sua parte do imposto sindical referente aos anos de 2016 e 2017, a entidade realizou em 18 de abril uma assembleia na qual todos os participantes, unanimemente, votaram a favor da devolução.

Vale lembrar que o imposto sindical corresponde a um dia de trabalho (3,33% do salário do mês de março) e que os sindicatos recebem do governo o repasse de 60% desse valor. O restante é dividido entre as federações (15%), as confederações (5%), as centrais sindicais (10%) e o governo, que fica com os últimos 10% do total -- o dinheiro é depositado na Conta Especial Emprego e Salário, que integra os recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

Entre 1993 e 2008, amparado por uma liminar da Justiça, o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região conseguiu manter suspensa a cobrança do imposto em sua base territorial, e desde 2009 (quando a cobrança voltou a ser feita, depois da derrubada da liminar) a entidade vem devolvendo a sua parte aos bancários. Só não conseguiu devolver no ano passado, por conta de uma despesa extraordinária bastante alta (o pagamento de uma multa prevista no contrato de prestação de serviço de um advogado que foi dispensado).

Este ano, no entanto, a devolução será feita normalmente, inclusive dos valores referentes a 2016. Para devolver os valores do ano passado, o Sindicato aguarda apenas o desfecho de ações coletivas que já estão em fase de cálculo pela Justiça trabalhista. Aguardem.


Sindicato dos Bancários e Financiários de Bauru e Região
Rua Marcondes Salgado, 4-44, Centro - CEP 17010-040 - Bauru/SP
Fone (14) 3102-7270 Fax (14) 3102-7272 - contato@seebbauru.com.br