Sábado, 21 de outubro de 2017
Santander

Entre janeiro e outubro, bancos brasileiros fecharam mais de 10 mil postos de trabalho


Bancários na Frente 22
06/12/2016

Os mais recentes números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego, mostram que, de janeiro a outubro deste ano, os bancos brasileiros fecharam 10.009 postos de trabalho, superando os 9.886 postos fechados durante os 12 meses de 2015!

Para efeito de comparação, nos doze meses de 2015 os bancos fecharam 9.886 postos. É uma tragédia!

Esses mais de 10 mil bancários a menos representam um aumento de 58,4% em relação ao número de postos fechados no mesmo período em 2015, quando foram extintos 6.319 postos.

São Paulo foi o estado onde ocorreram mais cortes (menos 4.688 postos, 46,8% do total de postos fechados), seguido pelo Rio de Janeiro, que fechou 1.595 postos (16,0%), o Paraná, com 715 postos extintos (7,1%) e Minas Gerais (menos 625 postos ou 6,2% do total). Apenas três estados registraram saldo positivo no emprego bancário, com destaque para o Pará, com 104 postos abertos.

Para o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região, essas demissões não deveriam ocorrer, já que nos nove primeiros meses do ano, o lucro de todos os bancos somados passou dos R$ 30 bilhões. Além disso, o número de transações bancárias continua crescendo.

Os bancos falam da "era digital", mas, na verdade, diminuem o número de bancários para explorar correspondentes e terceirizados.

 

Sindicato dos Bancários e Financiários de Bauru e Região
Rua Marcondes Salgado, 4-44, Centro - CEP 17010-040 - Bauru/SP
Fone (14) 3102-7270 Fax (14) 3102-7272 - contato@seebbauru.com.br