, 17 de dezembro de 2017
Banco do Brasil

Dia 23, às 18 horas, Sindicato realiza plenária para funcionários do BB


17/11/2017
Bancários na Luta, edição 12

Os ataques não param no Banco do Brasil, se não bastasse a contínua reestruturação vivida pelo banco, que resultou em milhares de descomissionamentos e centenas de fechamentos de agências, a direção do BB agora está cobrando, através de cartilhas e reuniões, metas para os funcionários das PSOs (Plataforma de Suporte Operacional).

Resumindo, os caixas além de se desdobrarem para dar conta das agências super lotadas do Banco do Brasil, agora têm de oferecer produtos, como capitalização e seguros, para clientes e usuários. 

Sindicato dos Bancários de Bauru e Região/CSP-Conlutas, é totalmente contrário à venda de produtos na bateria de caixa. Para debater e tirar iniciativas contra essa determinação, a entidade está convocando todos os bancários do BB a participarem da plenária que será realizada no dia 23, às 18 horas.

A plenária contará com a presença de Sérgio Luiz Ribeiro, advogado da entidade, que falará sobre as atribuições da atividade de caixa e também sobre como se habilitar na ação coletiva com liminar ajuizada pela Contraf,  que debate a incorporação salarial para os funcionários descomissionados do BB, vítimas da reestruturação.

Reestruturação continua

Além de não reativar as agências sinistradas, os boatos sobre fechamento de novas agências, com a implementação dos escritórios digitais, aumentam a cada dia. Nacionalmente, o banco cogita encerrar as atividades de sua gráfica própria e reestruturações nos setores corporate, empresarial e GECEX. Lamentável!


Sindicato dos Bancários e Financiários de Bauru e Região
Rua Marcondes Salgado, 4-44, Centro - CEP 17010-040 - Bauru/SP
Fone (14) 3102-7270 Fax (14) 3102-7272 - contato@seebbauru.com.br